Best*

sexta-feira, 4 de julho de 2008

A vida é como um Irmão

Vejo te passar o portão,

És reconhecido, não por ladrão,

Mas por amigo,

E como tal já sabes o caminho,

Vens a procura do meu juízo,

Por isso vens a minha procura,

Amizade eu simbolizo,

E juntos formávamos a loucura.

A nossa relação,

É um ponto que nos faz alinhar,

Não por sermos irmão,

Mas sim por fazer-nos alegrar,

Juntos não fazemos o caminho sozinho,

Fazemo-lo sorrindo,

Não me vou virar para ti,

E mandar-te boca e dizer que te parti,

Isso não é que a tuga live nos diz,

Ela diz que o objectivo é ser feliz,

Sem sermos emboscados,

Por aqueles que nos tramaram,

E que por de trás nos fazem caminhos encurralados,

e nos final de tudo nos encurralaram.

Senti a tua mão,

O calor dela, o conforto,

Era a tua meu irmão,

Ficaste marcado no meu coração.

Tentei ver os teus olhos,

Transmitiram lealdade,

Vejo no teu coração,

Que és um amigo , melhor um irmão,

E a frente de todos fala me verdade,

E não troces os olhos.

Admites erros,

Criticas-me por eles,

Ajudas-me a vence-los,

É confortável ultrapassar os erros que cometemos.

Senti a tua mão,

O calor dela, o conforto,

Era a tua meu irmão,

Ficaste marcado no meu coração.

Senti a tua mão,

O calor dela, o conforto,

Era a tua meu irmão,

Ficaste marcado no meu coração.

Então eu finalizo

Que é estes amigos,

Que a minha vida partilho,

E por isso transmito vários sorrisos,

E por isso vale a pena viver,

Porque com eles,

Vale a pena sobreviver,

E por isso não podemos esquecelos!



F.A.P.O.C. muito o que está aqui é graças a vocês!